Deslocamentos

1 out

Uma das coisas mais bacanas da bicicleta é a possibilidade de recuperar paisagens perdidas no cotidiano. Uma oportunidade de reparar mais no entorno, sem fechar-se no carro, e de conhecer novos lugares, na busca por alternativas. É como se um pedaço da cidade, antes roubado pelo trânsito ou ignorado pelo interesse seletivo, nos fosse novamente oferecido. E ficamos aqui, esperando e agindo para que esse espaço seja valorizado, e que coisas novas aconteçam nele, pois um pouquinho de novidade é sempre bom.

Por isso achei bem interessante que na Paulista, em meio as detestáveis plaquinhas políticas e os resistentes sinais da primavera, agora encontram-se expostas réplicas das obras do acervo do MASP. No muro cinza e no canteiro de obras estão pendurados quadros, legendas e olhares. E tudo por causa de um projeto cuja ideia poderia agradar bastante a arquiteta do MASP, Lina Bo Bardi, para quem o museu deveria representar muito mais para os paulistanos do que um simples bloco de concreto contra o céu.

"Revelarte - O MASP nas ruas"

Ah, e fica o convite: a Paulista é roteiro “obrigatório” no encontro das Pedalinas, vale dar uma olhadinha nesses quadros no nosso pedal de amanhã! 😉

Anúncios

7 Respostas to “Deslocamentos”

  1. MARIO 01/10/2010 às 10:21 AM #

    gostei do post … ainda mais eu que gosto de tirar fotos…rs

  2. Camila Oliveira 01/10/2010 às 11:28 AM #

    Que legal saber disso, amanhã com certeza esticarei a pedalada até lá antes do encontro das Pedalinas (já que eu venho pelo outro lado e normalmente não passaria ali na frente!)

  3. Daniel de Andrade 01/10/2010 às 11:33 AM #

    Amanha vou ver, sempre passo na frente, mas a noite e nunca reparei. Amanha vou fazer companhia pra minha namorada ate a praça pra encontrar voces e olho melhor. Fica em toda a Paulista ou tem um lugar certo?

    • Drielle 01/10/2010 às 3:29 PM #

      Oi, Daniel,

      Pelo que eu li são 40 réplicas dispostas a até uma certa distância do museu. Por isso não seria só na Paulista, parece que tem na Brigadeiro e em outras ruas também. Vale dar uma pesquisada ou procurar pela cidade mesmo.

      E que bom que a sua namorada vai no passeio amanhã! =)

  4. Edmea 01/10/2010 às 4:13 PM #

    Uma frase do O Teatro Mágico, na música Amadurecência: “Nunca deixar de ouvir … com outros olhos.” Vamos prestar atenção ao que acontece em nossa volta. Adorei o post … vi a matéria hoje cedo.

  5. Aline Santos 02/10/2010 às 2:02 PM #

    Olá!!!!
    Meu nome é Aline,como estou começando a pedalar,irei de metrô e o mesmo só libera a entrada de bikes a partir das 15h.
    Será que estarão no local até 15h20????
    Abraços.

    • dianadepedal 03/10/2010 às 5:27 PM #

      aline, só vi seu comentario agora, espero q vc tenha conseguido ir. alias, se não me engano, no metro agora pode entrar um pouco antes, não…?

      abço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: