Porque pedalar à noite tb é possível!

15 fev

Finalmente inauguramos mais um rolê: Noite das Pedalinas!

Este pretende acontecer toda segunda-segunda-feira de cada mês e a idéia é fazermos um passeio mais longo que o habitual passando por lugares que têm belezas, cheiros e cores diferentes ao cair do sol.

O primeiro encontro foi muito legal e contou com umas 20 meninas (não sabemos ao certo) o que já foi uma agradável surpresa, considerando que ao ser batizado de “pedal power” poderia ter assustado alguém. Doce ilusão (parte 1).

Durante o pedal percebemos que o grupo se dividiu naturalmente em 2 com ritmos diferentes. Esse fato fez a gente refletir sobre a necessidade de – quando bombar desse jeito – montar um esquema de separar as mais rápidas e as menos rápidas, mas ambos os grupos com pedalinas experientes guiando, fechando e auxiliando.

É legal poder construir a dinâmica de uma atividade de acordo com o dia a dia dela, com a experiência e forma que vai tomando! As Pedalinas dirigem e propõem a gestão das Pedalinas! É assim que funciona, sempre tentando permanecer na horizontalidade do movimento – todas têm voz!

A chuva lavou a alma, mas ao mesmo tempo comprometeu a continuidade do passeio, não por falta de vontade das meninas em se molhar, mas na agressividade e hostilidade que os motoristas dos carros mostram quando chove. Por isso meninas, MUITO cuidado ao pedalar com o asfalto molhado!! Mesmo sendo inquestionavelmente uma delícia o perigo tá na baixa visibilidade e aumento do desespero da  velocidade no trânsito. Os freios e pneus (de todos os veículos) perdem a aderência e precisão, por isso é fundamental tirar o pé do acelerador (de todos os veículos) para preservar a vida.

Enquanto o mundo acabava, nós nos protegíamos sob um ponto de táxi onde dois taxistas homens não entendiam absolutamente nada que tava acontecendo ali. A cena era, no mínimo, engraçada, até que notamos o óbvio: mesmo embaixo de um teto continuavamos nos molhando.

Então algumas pegaram as bicicletas e foram em direção ao posto de gasolina mais próximo, lá pelo menos tinha vinho pra esquentar! Nesse momento já estávamos em um número bem menor.

Conversa vai, conversa vem até a chuva dar uma trégua. Às 23h decidimos voltar pra praça d@ ciclista pensando que as meninas estavam com preguiça e vontade de ir embora pra casa. Doce ilusão (parte 2)! Tava todo mundo pilhado pra pedalar!! Foi só alguém gritar um “MINHOCÃÃÃÃOOO” que a pequena massa desceu a augusta, num movimento lindo e poético de libertação-feminino-ciclística (??).

**O elevado Costa e Silva fica fechado para os carros todos os dias a partir das 21:30h, então não preciso dizer que o pedal ali foi lindo, encantador e proporcionou uma vivencia muito mais próxima da cidade –> Mais próxima tanto das coisas bonitas e paisagens da metrópole quanto das mazelas sociais excluídas e largadas naquele canto de SP.**

Depois dali cada uma montou um pequeno bonde de retorno pra casa, umas seguiram pela Francisco Matarazzo em direção a Sumaré, Lapa e Pompéia. Outro grupo voltou pelo minhocão sentido Consolação, Augusta e Higienópolis.

Assim inauguramos a Noite das Pedalinas. A próxima edição acontece dia 14 de março às 20:30 na praça d@ ciclista! Estejam lá faça chuva ou faça frio!

Veja mais fotos do nosso encontro notívago!

Anúncios

8 Respostas to “Porque pedalar à noite tb é possível!”

  1. youkaidag 15/02/2011 às 6:04 PM #

    Muito legal o novo passeio de vocês. E principalmente a disposição, afinal na ZS na hora que sairam já estava com cara que viria muita água a qualquer momento.
    Fico mó feliz com a formação de novos passeios, terça passada sai pra encontrar um grupo, náo os encontrei e acabei andando com uns amigos, e sinceramente encontramos uns 200 ciclistas no meio do caminho, diversos grupos, ou alguns isolados, bem legal isso mesmo. E força para o pedal power!

  2. Juliana 15/02/2011 às 6:16 PM #

    Lindo! 🙂

  3. Dri 15/02/2011 às 7:36 PM #

    Muito bom!
    Adorei a parte do “aumento do desespero”…hehe 😛

  4. Camila Oliveira 15/02/2011 às 9:04 PM #

    Nossa, vendo as fotinhos e lendo o relato já deu saudade de ontem!!!!

  5. Carina 15/02/2011 às 9:21 PM #

    Foi bem bom!
    adorei o asfalto molhado..hahaha

    • Juliana 18/02/2011 às 6:49 PM #

      olha só qta gente! infelizmente trampo à noite, mas qdo chegar as férias tamos ae!

  6. Priscilla Fernandes 02/04/2011 às 4:17 PM #

    Meninas dia 11 de abril será o 3º Pedalinas Noturno, acabo de ganhar de aniversário as “luzinhas” para pedalar à noite e querooooo pedalar com vocês.
    Vou aguardar com muita vontade.
    Beijos Priscilla

Trackbacks/Pingbacks

  1. Tweets that mention Porque pedalar à noite tb é possível! « -- Topsy.com - 16/02/2011

    […] This post was mentioned on Twitter by Aline Almeida, pedalinas. pedalinas said: Leia o relato da @pedaline sobre a primeira edição do nosso encontro noturno: Noite das Pedalinas! #vadebike http://bit.ly/hJLxud […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: